onlinecasinoaccount -A Feira Nordestina de São Cristóvão agora é, oficialmente, Patrimônio Histórico, Turístico, Cultural

Feira Nordestina onlinecasinoaccount -de São Cristóvão Vira Patrimônio

A Feira Nordestina de São Cristóvão agora é,ãoCristóvãoViraPatrimôonlinecasinoaccount - oficialmente, Patrimônio Histórico, Turístico, Cultural e Gastronômico do Estado do Rio. A Lei 10.170/23, que dá o título ao Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, foi sancionada pelo governador Cláudio Castro (PL) na última quarta-feira (8). Continua após a publicidade Além da farta culinária e dos artigos à venda no espaço, a feira também atrai um grande público com noites de apresentações de forró pé de serra, repentes e com a encantadora literatura de cordel. O espaço já é reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil. Leia mais: Saiba mais sobre a Feira de São Cristovão: principal reduto da cultura nordestina no Rio Segundo o governo do Rio, há planos de expansão da feira em estudo por parte dos comerciantes. A previsão é de reforma do equipamento, incluindo, por exemplo, a construção de um segundo pavimento; a ampliação do número de boxes, que hoje já chegam a 700; além de mais palcos e a modernização do sistema de luz e redes de água, esgoto e gás. História A feira fica localizada no Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, no bairro de São Cristóvão, na capital fluminense. A história da feira se relaciona com a movimentação dos retirantes de diversos locais do nordeste que chegavam em caminhões no Campo de São Cristóvão para trabalhar na construção civil, por volta do ano de 1945. O encontro era motivo de festa com músicas e comidas típicas. Durante 58 anos, a feira permaneceu ao redor do Campo de São Cristóvão e, em 2003, foi transferida para o Pavilhão após a reforma do local, quando passou a se chamar Centro Municipal Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas. Fonte: BdF Rio de Janeiro Edição: Clívia Mesquita

Relacionadas

  • Justiça do RJ condena três policiais militares a 54 anos de prisão por mortes no Morro da Coroa

  • MPF dá 30 dias para Ministério dos Direitos Humanos se manifestar sobre reparação financeira à família de João Cândido

  • Pagamento do 13º salário colocará até R$ 291 bilhões na economia brasileira, segundo Dieese

Outras notícias

  • Bloco cultural Fuá de Seu Estrelo é reconhecido como patrimônio imaterial do Distrito Federal

  • As igrejas e os bares são mais eficientes que centros culturais?

  • Carnaval de rua e as disputas de sentido em torno da festa: o exemplo do Cordão do Boitatá

BdF
  • Quem Somos

  • Parceiros

  • Publicidade

  • Contato

  • Newsletters

  • Política de Privacidade

Redes sociais:


Todos os conteúdos de produção exclusiva e de autoria editorial do Brasil de Fato podem ser reproduzidos, desde que não sejam alterados e que se deem os devidos créditos.

Visitantes, por favor deixem um comentário::

© 2024.sitemap